Psicanálise e atenção psicossocial: reflexões sobre a clínica das psicoses

Dia 27 de Abril de 2019

Faça sua inscrição aqui

A rede de atenção psicossocial (RAPS) nasceu de dentro do movimento da reforma psiquiátrica como a rede de cuidado integrada ao sistema único de saúde (SUS) responsável pelo tratamento de pessoas com transtornos mentais. Entre outros usuários, a RAPS acompanha regularmente o trabalho com pacientes psicóticos graves. A psicanálise é uma práxis (teoria e prática) que tem uma importante contribuição na discussão sobre a clínica das psicoses a partir das importantes descobertas trazidas por Sigmund Freud e retomadas por seus contemporâneos. Sendo assim o curso Psicanálise e atenção psicossocial: reflexões sobre a clínica das psicoses, tem a importante função de transmitir aos estudantes e profissionais envolvidos/interessados nessa área, sobre o funcionamento da rede de atenção psicossocial, as especificidades da clínica das psicoses e as contribuições da psicanálise sobre o tema.

  1. Objetivo
    1. Objetivo Geral: Apresentar as estruturas de base que regem a rede de atenção psicossocial, passando pela
      história da reforma psiquiátrica, o nascimento do SUS, a discussão sobre a clínica das psicoses e as  contribuições da psicanálise.
    2. Objetivos Específicos: Discutir de forma mais profunda as especificidades da clínica das psicoses sob o
      olhar da clínica psicanalítica. Partiremos de dois pressupostos freudianos fundamentais. Que a psicose não é em si uma doença mas uma estrutura psíquica, o que tem importante influência na desconstrução de preconceitos e descriminação no campo social. Segundo que o delírio não deve ser visto como um sistema patológico, mas como uma tentativa de cura e processo de reconstrução.
  2. Coordenação
    1. Professor: Felipe Vianna Pinheiro
      Titulação: Doutor em Psicologia Clínica pela PUC – Rio, Mestre em psicologia pela UFF.
      Descrição de sua experiência acadêmica e profissional: Atendimento em consultório particular como
      psicanalista, e o trabalho no campo da saúde mental de 2005 até os dia atuais. Professor do PraxisPsi e do IBRAPCHS de 2012 até os dias atuais ministrando aulas sobre psicanálise, psicopatologia e saúde mental. Tendo a experiência, também, em dar aula de psicopatologia aos alunos de graduação em psicologia da PUC – Rio.
  3. Conteúdo programático
    1. Será trilhado um percurso partindo das questões históricas que norteiam o nascimento da reforma  psiquiátrica, a criação do SUS e o funcionamento da RAPS. Em seguida trazendo as especificidades da
      clínica das psicoses sob o olhar da psicanálise. E por fim a discussão de situações clínicas que ajudem os
      estudantes e profissionais a se aproximarem desse importante trabalho que é a clínica, a escuta do
      sofrimento, o cuidado ao outro.
  4. Metodologia
    1. Aula expositiva, apresentação de pequenos vídeos e fotografias que exploram o tema do curso e
      apresentação de casos clínicos para aprofundamento das reflexões sobre a clínica das psicoses.
  5. Público-alvo
    1. Profissionais e estudantes de psicologia, medicina, enfermagem, assistência social e outros campos do
      saber. As pessoas interessadas em conhecer mais sobre a clínica ampliada, o trabalho em saúde mental, o
      tratamento de pessoas com transtornos mentais e a riqueza do trabalho interdisciplinar no cuidado ao outro.
  6. Carga horária e investimento
    1. Carga Horária: 08h.
    2. Investimento: R$100 – com 10% de desconto para alunos e ex-alunos da FAMATH.
  7. Período e periodicidade
    1. Dia 27 de abril de 2019 de 08:00 às 17:00 h.
  8. Critério de seleção
    1. AAlunos e profissionais de psicologia, medicina, enfermagem, assistência social e áreas afins, interessados pelo tema.